sábado, 31 de dezembro de 2011

São Pedro da Aldeia - RJ: Prefeito assina leis que garantem melhorias salariais

Prefeito Carlindo Filho assina leis que garantem melhorias salariais para três categorias municipais


Prefeito de São Pedro da Aldeia, Carlindo Filho (PMDB),
Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

O Prefeito Carlindo Filho assina nessa quinta feira, 29, às 9 horas, duas leis que garantem melhorias salariais para duas categorias: agentes fiscais de tributos e agentes comunitários de saúde. Na última terça-feira, 27, o Prefeito assinou a lei que garante melhorias salariais para os funcionários efetivos. No ato da assinatura estarão presentes representantes das três categorias.

Para os fiscais de tributos será repassado o adicional de produtividade, os agentes comunitários de saúde receberão a diferença salarial. Já os funcionários efetivos, após cinco anos de exercício, poderão incorporar 50% do vencimento ao salário.

De acordo com o prefeito Carlindo Filho o reconhecimento pelo trabalho exercido se faz, também, através da melhoria salarial.

Fonte na web: www.carneiro.com.br

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Câmara de Campinas cassa mandato de 2º prefeito

Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

Os vereadores de Campinas cassaram, na noite de ontem o mandato do prefeito Demétrio Vilagra (PT) por 29 a 4 votos, por quebra de decorro. É o segundo prefeito a ser retirado do cargo esse ano por uma Comissão Processante (CP) na cidade. Os votos a favor de sua permanência foram dos três vereadores da bancada do PT e um do PCdoB, os mesmos que já foram contrários à formação da CP. O relatório final da CP tem oito volumes, com 1.440 páginas, e começou a ser lido às 9h53 de terça-feira. Ao todo, a sessão durou 33 horas ininterruptas.

De acordo com a CP, o então vice-prefeito Vilagra assumiu a prefeitura em sete oportunidades, e sabia das irregularidades na prefeitura. De acordo com as informações prestadas pelo ex-presidente da Sanasa (Serviço de Abastecimento e Saneamento de Água ), Luiz Castrillon de Aquino, delator do esquema que levou à cassação do então prefeito Hélio de Oliveira Santos(PDT), todos as acusações são verdadeiras.

Demétrio foi denunciado pelo Ministério Público como integrante de uma quadrilha que tinha como chefe a ex-primeira dama, Rosely Nassim Jorge Santos. Ele é acusado de fraude em nove contratos da Sanasa durante a substituição do então prefeito dr. Helio. Demétrio chegou a ficar preso por 22 horas, após seu retorno das férias na Espanha, em razão das denúncias.

No dia 20 de agosto deste ano, o então prefeito Hélio de Oliveira Santos (PDT) era cassado pela maioria dos votos da Câmara. Vilagra assumiu três dias depois, sendo substituído em seguida pelo presidente da Câmara, Pedro Serafim (PDT), entre os dias 28 de outubro a 3 de novembro. Com a saída de Vilagra, o cargo deve ser ocupado por Serafim, que determinará a realização de novas eleições em 2012.

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Seja voluntário da MNAS, Clique aqui e nos envie o seu cadastro!
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: www.dgabc.com.br

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Palmeira dos Índios, Alagoas: Agentes Comunitários de Saúde ameaçam deflagrar greve amanhã

Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil


Agentes Comunitários de Saúde de Palmeira dos Índios, Alagoas, denunciam o prefeito James Sampaio Calado Monteiro (PSDB/AL) por abusar na administração do município. Segundo os ACS o prefeito somente liberou a folha de pagamento de novembro hoje. Ele não anunciou a previsão de pagamento do 13º e ninguém sabe o que será da insalubridade. A previsão é de que os trabalhadores deflagrarão uma greve, amanhã, quarta-feira (21/12/2011), se o prefeito não assumir os compromisso com a categoria. Termos informações de que os Agentes de Saúde de Palmeira dos Índios estão desesperados sem saber o que fazer diante da situação mencionada acima.

Atenção prefeito James Monteiro, no próximo ano haverá eleição, o senhor não sabe disto? Não é de seu conhecimento a grande relevância do trabalho prioritário desenvolvido pelos ACS? É notório refletir sobre essa problemática que prejudica a população de aproximadamente 70 mil pessoas.
Não é possível que a Câmara Municipal de Palmeira dos Índios não esteja acompanhando todo esse processo que penaliza toda a população do município sem se manifestar!

No inicio desta semana a Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde (MNAS) tentou obter informações da Prefeitura de Palmeira dos Índios, contudo, a gestão não se pronunciou sobre as questões denunciadas acima. Se a greve realmente for deflagrada estaremos divulgando as informações a medida que elas forem chegando a nossa coordenação.

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Seja voluntário da MNAS, Clique aqui e nos envie o seu cadastro!
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


sexta-feira, 18 de novembro de 2011

SINDACS-PE - Notícia de última Hora.

SINDACS-PE
Notícia de última Hora
18/11/2011




· Vimos por meio deste informativo, dizer que na reunião desta sexta feira 18/11/2011,entre a DGGTES e a Coordenação do Fórum dos Servidores do Recife, a diretora Dra Cinthia Kalline ,esplicou em documento que está em posse do sindicato que não haverá tempo para implantar na folha de pagamento do Mês de dezembro os valores referente ao enquadramento no Plano de cargos e Carreira dos trabalhadores da Saúde
· JÁ que o plano é de todos os servidores da Saúde. Ela alega que o tempo é muito curto para este implante tendo em vista estes valores serem feitos UM À UM.
· A folha de dezembro fechará no dia 30/11/2011.
· Compromisso Assinado, neste documento A PCR Reafirma seu Compromisso de pagamento retroativo aos de enquadramento nos meses de setembro e dezembro.
· Acreditamos que Ela mesma deveria ir em assembléia geral dos trabalhadores da Saúde e dizer aos trabalhadores por que tanta demora para realizar este enquadramento, já que foi fechado entre os trabalhadores e PCR, no mês de Junho.
· Assim nós expressamos aqui nossa insatisfação quanto a morosidade da PCR no tocante aos direitos de seus servidores.


Maria Betânia-Secretária de imprensa e comunicação
Jaciara Pereira Alves – Secretária Geral
Emerson Miranda de Souza – Administrador
Ednaiptan de Souza —Secretário de Formação e Prática Sindical

LUTAR É PRECISO !

Fonte: Blog do ACS Ednaiptan

sábado, 15 de outubro de 2011

Golpe político e institucional: A grande vigília dos de Saúde e a verdade dos bastidores

Na foto a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social (CNTSS/CUT) realiza ato em defesa da regulamentação do Piso Nacional dos ACS e ACE no dia 18 de maio
Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

Por Samuel Camêlo

O que é real e o que é marketing de oportunidades? A palavra “real” pode ser interpretada como “que tem existência verdadeira, e não imaginária.” A frase “marketing de oportunidades,” em nossa interpretação livre, pode significar “possibilidade de aproveitar-se do momento oportuno para conseguir proveitos próprios ou de causa particular que defenda.”

Pois bem, nobres amigos, saindo do campo da etimologia e entrando no campo da vida, sob o esteio do significado da primeira palavra (REAL), retomamos os alertas sobre a tentativa de nos fazer de massa de manobra. É notório que o estabelecimento de um piso nacional é uma necessidade inquestionável, contudo, não podemos aceitar que os mais diversos grupos e/ou instituições se aproveitem desta necessidade para suprir interesses particulares diversos.

Recentemente tivemos a realização da “Grande Vigília dos Agentes de Saúde, nos dias 03, 04 e 05 de outubro - de um lado a Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde (CONACS) e a suposta união de força com a CUT (Central Única dos Trabalhadores), sob o pretexto de fortalecimento das ações da instituição. Na outra extremidade os fatos: ausência de informações, omissão no repasse de relatórios à categoria, falta de transparência e etc.

Contra fatos não há argumentos
No final de agosto, precisamente no dia 27/08/2011, “erguemos a voz” sobre essa temática. Questionamos a CONAC no Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil pela forma que ela estava tratando a categoria (com ênfase a ausência de informação). Logo em seguida a Confederação manifestou-se, justificando aquilo que questionávamos. Era uma resposta as cobranças feitas pela Mobilização Nacional. Posteriormente veio a notícia sobre a Grande vigília dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias. Além da apresentação da proposta do Piso Nacional intercalado, diferente da proposta anterior, que defendia a base de dois salários mínimos a partir daquele momento. Essa notícia chocou a muitos trabalhadores do movimento que passaram a questionar nos mais diversos blog que administram. O que teria acontecido com a estratégia anterior? Ela era ou não viável? Apesar do fato dessa nova proposta, que já era costurada desde o inicio desse ano, a categoria uniu forças para apoiar a CONACS.
Na matéria Presidente da CONACS faz balanço das atividades do mês de agosto (divulgada no dia 03/09), apenas seis dias após o Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil ter questionado o silêncio inaceitável da confederação, ficou claro qual era o problema. A Confederação tenta administrar um “rombo orçamentário” de cuja dimensão se faz sigilo.

A CONACS culpa as federações filiadas
Na mesma matéria que fala sobre o “rombo orçamentário” da CONACS, ela responsabiliza as federações filiadas por receberem os recursos dos agentes de saúde e não repassarem à confederação. Das 10 Federações Estaduais, segundo informações registradas no texto, apenas 3 cumprem com os seu deveres. Na verdade 70% das federações não manifestam reconhecimento de sua confederada. Portanto, uma crise institucional que se soma a crise financeira. Na busca da sensibilização da categoria a Confederação colocou dados de suas contas bancárias na citada matéria. Obviamente que tais dados não eram direcionados às federações filiadas, que já os possuem. Veja a relação das federações ligadas a CONACS.

A união entre a CONACS e a CUT
Primeiro a CONACS permite a propagação de informações de sua solicitação de filiação à CUT, depois nega que tal fato tenha ocorrido. Por fim, aparece em cena divulgando que estava estabelecendo parceria com a CUT. A grande surpresa ocorreu no primeiro (03/10/11) dia do evento. A CUT não enviou representantes para o evento. A decepção de quem esperava a integração entre as duas instituições se materializou a partir daquele momento. A diretoria da CONACS não conseguiu esconder o que foi lido por vários colegas como indignação e decepção. Decepção, que o diga a categoria.
Nos demais dias (04 e 05/10/11) os “palanques” estavam armados: de um lado a CONACS e, do outro lado, representantes da CUT. Fato que irritou várias lideranças da categoria. Alguns agentes de saúde administradores de Webblog manifestaram indignação e falaram da decepção.

O outro lado da moeda: Sobre a não participação da CUT no primeiro dia do evento, havia um encaminhamento de que a programação unificada seria a partir do segundo dia, ou seja, o dia 04/10/2011. Foi isso que a Central combinou com a Confederação e tornou público, clique aqui e confira. Então, como é possível afirmar que houve negligência da CUT no primeiro dia?

A CONACS sem o apoio de seu departamento jurídico
Não é novidade que a Confederação depende absolutamente do trabalho desenvolvido pela Dra. Elane Alves de Almeida. Na verdade a Dra. Elane até este momento foi os “braços e pernas” da instituição, pelo que se observa. Durante a “grande vigília” foi divulgado que a assessora Jurídica da CONACS está se afastando devido a falta de condições de condução da situação instalada. A Dra. Elane de Almeida irá prestar acessória apenas a Federação Goiana dos Agentes Comunitários de Saúde (FEGACS). Se esta informação confirmar-se, indubitavelmente, representará a ampliação do grande buraco negro que envolve a Confederação dos ACS. Seria mais um marketing de oportunidades para sensibilizar os agentes de saúde para que socorram a CONACS?
Segundo algumas informações obtidas em off, a dívida da CONACS com a Dra. Elane de Almeida pode chegar a R$ 92.000,00 (noventa e dois mil reais). Tais dados não são oficiais, entretanto, nos permite termos uma visão sobre a importância da realização de uma nova “grande vigília.”

A adaptação da proposta do Piso Nacional
Até momentos antes das eleições de 2010 ouvíamos palavras de motivação de que a proposta do Piso Nacional seria uma vitória de todos. Analisemos as palavras da presidente Ruth Brilhante: “essa Vitória é de todos nós que estamos aqui e dos nossos colegas que ficaram fazendo suas orações e na torcida pela aprovação do nosso Projeto!” Então, o que foi que ocorreu com o Piso Nacional de 2 salários mínimos?
O palanque eleitoral foi montado e o piso ficou na história da mais frustração na história dos agentes de saúde do Brasil. Na historia das decepções! E o pior de tudo é que a categoria foi responsabilizada pela não obtenção do êxito desse projeto.

Na última eleição todos sabiam que o Piso Nacional não seria aprovado, exceto os agentes de saúde. Conduto, não houve divulgação para não atrapalhar a candidatura dos “heróis defensores da categoria.” Para a presidente da CONACS, Ruth Brilhante de Souza, 53 anos, candidata a deputada estadual de Goiás, o resultado não foi positivo. Ela obteve apenas 0,12% (zero vírgula doze por cento dos votos). Um resultado desastroso para quem supostamente representa os interesses de uma categoria de mais de três centenas de milhares de agentes de saúde (300.000). Seria uma demonstração de insatisfação de como a campanha do piso estava sendo conduzida?

O Piso Nacional e a regulamentação dos agentes de saúde
O Brasi possui mais de 300.000 agentes de saúde espalhados por mais de 5.100 municípios, destes a maioria não foram regulamentados, ou seja, um número expressivo ainda não teve os seus vínculos de trabalho desprecarizados com os benefícios da Lei Federal 11.350/2006. Verdade seja dita: alguns possuem uma relação de escravidão que nem mesmo podemos denominar de trabalho. Pois bem, e como é que fica essa situação? Dê que adianta um Piso Nacional nessa situação? Não é possível falar de uma coisa e negligenciar a outra. Não existe piso sem a desprecarização dos agentes de saúde. Quando isto acontece evidencia-se a falta de compromisso e tentativa de promover ilusões. Com regularidade recebemos correspondências dos mais diversos municípios do Brasil, expondo a situação precária dos agentes de saúde.

Um novo palanque e uma nova história
Justamente nos dias da “grande vigília” é que, por “coincidência” a crise se evidenciou. O propósito do evento era a luta pelo Piso Nacional ou pelo pedido de socorro da CONACS? Por que ela já não fez uma assembleia e expôs os fatos sobre a crise que a envolve? Porque ela não anuncia que está buscando uma nova aliada, uma nova centra que possa salvá-la desse grande buraco negro? Qual será a nova central que substituirá a “parceria da CUT?” Será que haverá uma nova “grande vigília” para anunciar essas novas “novidade?” Novidades para os agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias que são os últimos a saberem de alguma coisa, quando o assunto envolve a Confederação Nacional dos ACS.

Agora cabe a cada um de nós socorrer e defender a indefesa Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde. Como diria o Arnaldo Jabor: será que agora não é muito tarde para brincarmos de faz de conta, o melhor, de pagar a conta?
Tem gente que pensa que o povo não pensa! Eu penso, que, pelo menos um pouco, penso...

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Seja voluntário da MNAS, Clique aqui e nos envie o seu cadastro!
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.xpg.com.br
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: MNASJornal

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

SINDRAS do Médio Agreste e Sertão de Pernambucano

Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

”Não temos um novo caminho, apenas um novo jeito de caminhar”

Sindras do Médio Agreste e Sertão-PE é uma realidade.

No último dia 27 (terça feira) de setembro, no auditório do hotel são Cristovão na cidade de Serra Talhada (sertão do Pajeú) ocorreu a fundação do “sindicato dos agentes Comunitários de saúde e combate as endemias do médio agreste e sertão do estado de Pernambuco”.
Após a leitura, e aprovação do estatuto foi empossada a primeira diretoria do Sindras do Médio Agreste e Sertão de Pernambuco, que contou com a presença dos Srs. : Antonio Bernadino “Sassá” (CUT), Edinaiptan (Sindacs PE), Sinésio Rodrigues (Sintest PE), Denis Oliveira (Sindsep), Fábio (STR Serra Talhada), e os assessores jurídicos da CUT Drs. Antonio e Luciano Lêda, Entre outras autoridades.

Com mais de 20 municípios e em torno de 300 ACS e ACE presentes e sob fortes aplausos e muita empolgação por parte do plenário, tomou posse a primeira diretoria do Sindras do Médio Agreste e Sertão-Pe composta pelos seguintes membros:

Presidente: Luciano João vice-presidente: Milton Guimarães, diretor de administração : Evil Merodaque, vice- diretor : Cícero Fabrício , diretor de patrimônio : Alex Pereira vice-diretora: Andrê Matias, diretora de divulgação: Vera Agda , vice diretor: Isaque Almeida diretor de assuntos profissionais: Cícero Cosme, vice diretor: Manoel Valença.

O presidente eleito, iniciou seu discurso, a princípio agredecendo “ o apoio e a confiança depositada nessa diretoria e em seguida chamou à atenção da categoria para as dificuldades que iremos enfrentar, mas com garra e determinação, poderemos superar tudo isso, pois o EU já é passado e com certeza o NÓS prevalecerá, pois as dificuldades existem para serem superadas e não para nos superar. Logo após o mesmo enfatizou: “ Não tenham dúvida alguma do êxito do sindras do Médio Agreste e Sertão-PE, pois tentar não significa conseguir, mas todos que conseguiram é porquê que tentaram, prova maior disso é a fundação do nosso sindicato hoje. “Concluiu o seu discurso agradecendo aos representantes da CUT, SINDACS ,ao presidente da AMUPE, a secretária de saúde do Município e a todos que direta ou indiretamente contribuíram para realização desse projeto, um forte abraço de todos diretores do Sindras do Médio Agreste e Sertão-PE.

Diretora de Divulgação: Vera Agda.

domingo, 9 de outubro de 2011

Piso nacional de agentes comunitários de saúde pode ser incluído no Orçamento 2012

Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

Representantes dos agentes comunitários de saúde e de combate a endemias devem se reunir com o relator geral do Orçamento da União para 2012, deputado federal Arlindo Chinaglia (PT-SP), e com o relator do Plano Plurianual (PPA), senador Walter Pinheiro (PT-BA), para garantir piso salarial nacional para a categoria. A sugestão foi apresentada por Walter Pinheiro durante audiência pública que discutiu, nesta quarta-feira, a situação desses profissionais na Comissão de Assuntos Sociais (CAS).

Na avaliação do senador, se não houver uma rubrica orçamentária para garantir o pagamento dos salários dos agentes de saúde e de combate às endemias, a aprovação do piso salarial da categoria poderá resultar ineficaz.
A proposta que cria o piso salarial nacional para esses agentes (PLS 270/06), de autoria do então senador Rodolpho Tourinho (BA), foi aprovada nesta terça-feira (4) pela comissão especial criada na Câmara dos Deputados para analisar o assunto. O substitutivo aprovado fixa o piso em R$ 750 mensais e, a partir de 1º de agosto de 2012, em R$ 866,89. Agora, a matéria será examinada no Plenário daquela Casa, onde tramita sob o número 7495/06.
Apesar de considerar justa a reivindicação da categoria pelo piso nacional, a representante do Ministério da Saúde, Eliana Mendonça, disse temer que não haja recursos para custeá-lo e defende que o custo seja repartido com estados e municípios. Ela informou que o ministério estuda propostas que caibam no orçamento e está aberto a negociações e encontrar soluções para implementar o piso da categoria.

Eliana Mendonça, que é secretária executiva de Negociação Permanente do Sistema Único de Saúde (SUS), ressaltou que o ministério tem preocupação com o cenário nacional como um todo, uma vez que outras categorias, como a dos auxiliares de enfermagem, também reivindicam pisos salariais. Ela informou que o custeio do salário dos agentes, nos moldes da proposta aprovada na Câmara, representará um aumento de 5,4 bilhões no orçamento do ministério, até 2015.
Ela afirmou que o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, reconhece a importância desses profissionais para o país e procura atender as reivindicações da categoria. Eliana Mendonça disse que os agentes comunitários de saúde contribuem intensamente com o SUS e tiveram participação direta na redução da mortalidade infantil e das mortes de mulheres durante o parto, bem como na saúde de crianças e idosos.

O senador Humberto Costa (PT-PE), que requereu a audiência pública, destacou a contribuição que esses profissionais têm dado à implementação do SUS, que permitiu avanços na saúde pública brasileira. O senador, que foi ministro da Saúde no governo de Luís Inácio Lula da Silva, disse que o debate do assunto é importante para chegar a consenso, uma vez que, segundo ele, a reivindicação é justa.

O coordenador executivo da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social (CNTSS), Fernando Cândido, ressaltou que a atividade dos agentes de saúde e de combate às endemias é importante para melhorar os indicadores sociais do Brasil. Ele informou que a proposta de criação do piso para a categoria deverá ser aprovada esta tarde no Plenário da Câmara e confia que a presidente Dilma Rousseff não a vetará.

O deputado Valtenir Pereira (PSB-MT), que coordena a Frente Parlamentar Mista em defesa dos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate a Endemias, informou que o governo federal já repassa às prefeituras 1,4 salário mínimo para estimular a contratação de agentes comunitários de saúde. Em sua avaliação, é preciso fazer um "pequeno ajuste" e conceder o piso reivindicado pela categoria, que "cuida da parcela mais humilde da população".

Na avaliação do senador Eduardo Amorim (PSC-PE), "o exército' de agentes de saúde deveriam ser qualificados a utilizar computadores para registrar as condições em que vivem as famílias visitadas. Com as informações reais do que acontece nas comunidades, destacou, o governo poderá implantar políticas públicas para combater a pobreza e outros problemas sociais.
Maria do Carmo de Miranda, agente comunitária de Pernambuco, acompanhou a audiência pública com colegas vindos de quase todos os estados brasileiros (exceto do Acre). Ela declarou que a categoria cuida da saúde das pessoas da comunidade. Os agentes comunitários de saúde, insistiu Maria do Carmo, merecem melhores condições para trabalhar e cuidar também de sua própria família.

Iara Farias Borges / Agência Senado


Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Seja voluntário da MNAS, Clique aqui e nos envie o seu cadastro!
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.xpg.com.br
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: www.senado.gov.br

sábado, 8 de outubro de 2011

CUT-PE participa da fundação do Sindras




No último dia 27 de setembro, ocorreu na cidade de Serra Talhada, Sertão do Estado, a fundação do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate as Endemias do Médio Agreste e Sertão do Estado de Pernambuco (Sindras).

A Central Única dos Trabalhadores (CUT-PE) foi representada pelo diretor de Formação e Prática Sindical do SINDACS-PE e diretor da Central, Ednaiptan de Souza e o diretor de Política e Organização Sindical, Antônio Bernardino Filho (Sassá), que têm ajudado os agentes em todo o Estado.
De acordo com o presidente da Central, Sérgio Goiana, o principal objetivo da entidade é organizar os trabalhadores. “Nossa meta é organizar em Pernambuco um sindicato forte e atuante e que conte com o nosso apoio”, destacou. Durante a fundação do Sindras, estiveram presentes o Sindicato dos Servidores Federais de Pernambuco (SIndsep-PE), Sindicato dos Trabalhadores em Educação em Serra Talhada, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Serra Talhada, entre outras organizações.

Após a leitura e aprovação do estatuto, foram eleitos para o primeiro mandato, Luciano João para presidente, Milton Guimarães como vice-presidente, e Alex Pereira tesoureiro do Sindras.

Adalbério Mota - Assessoria de Imprensa da CUT-PE

Curso Técnico em Agente Comunitário de Saúde: Uma evolução possível para os municípios brasileiros

Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil
Por Samuel Camêlo

Curso Técnico em Agente Comunitário de Saúde: É muito bom ver os resultados de tanto tempo de luta.

Parabéns a cada um dos 1.520 Agente Comunitário de Saúde que foram contemplados com o CTACS. Indubitavelmente não podemos deixar de reconhecer o emprenho de Ednaiptan Souza Silva, diretor do SINDACS-PE e da CUT, pela garra e perseverança com a qual se revestiu para buscar esse bem coletivo. Sabemos que em muitos momentos ele ficou ilhado sem o apoio de alguns de seus pares. Em muitos momentos presenciamos a luta desse soldado contra legatários do individualismo. É por esse motivo que a Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde (MNAS) não se abstém de manifestar o reconhecimento ao trabalho desenvolvido por esse guerreiro solitário.

Quanto ao número de participantes no curso, 1.520 ACS, lutamos para ampliar esse efetivo, contudo, não foi possível. Apesar de que nenhum ACS ficará de fora desse processo, salvo se não tiver interesse. Já está sendo trabalhada a formação para os Agentes de Combate às Endemias (Em Pernambuco são denominados de ASACE).

No inicio do próximo ano cerca de 180 municípios estarão recebendo a formação técnica (II e III Etapas), concomitantemente, a I Etapa será iniciada para quem não recebeu essa formação. Tais ações ficarão sob a responsabilidade da Escola de Saúde Pública de Pernambuco (ESPPE) e poderão ser ratificadas ou retificadas conforme a atuação de elementos de força maior.

Em nome de cada profissional contemplado com o Curso Técnico em Agente Comunitário de Saúde, agradecemos ao secretario de saúde de Recife, Dr. Gustavo Couto e ao prefeito João da Costa. Eles tornaram possível aquilo que era uma reivindicação da categoria e necessidade da população recifense. Sem dúvida alguma, estes últimos serão os mais beneficiados com o investimento realizado pela gestão municipal.

A Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde, desde já, provoca as lideranças das categorias sindicais e institucionais para que foquem a realização da formação técnica. Além de necessária, ela é possível e deve ser priorizada como bem comum de nossa sociedade. Atualmente o número desses soldados da saúde, na atenção primária, ultrapassa o número de 300.000, espalhados por mais 5.100 municípios. São milhões de pessoas que tiveram suas vidas transformadas pelo trabalho dos guerreiros da saúde. O agentes de saúde projetaram uma nova realidade na saúde brasileira. Essa realidade pode ser ampliada com a realização do Curso Técnico em Agente Comunitário de Saúde.

Outros artigos relacionados

05 Out 2011
Nesta terça-feira, 04, é comemorado no Brasil o Dia do Agente Comunitário de Saúde. Para lembrar a esta data, o vereador Almir Fernando (PCdoB), destacou nesta tarde, o início do curso técnico de Agentes Comunitários ...

17 Set 2011
Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil ... O agente comunitário de saúde foi a compaixão ... Cordel eleborado especificamente para o Curso Técnico em ACS da Secretaria de Saúde de Recife - PE. ...

28 Ago 2011
O Curso Técnico de Agente Comunitário de Saúde tem como princípio a construção e a reconstrução dos conhecimentos profissionais necessários à transformação das práticas de promoção da saúde, de prevenção das ...

04 Out 2011
Por que diversos municípios estão realizando o Curso de Formação Técnica em Agente Comunitário de Saúde e o seu não? São apenas três perguntas que conotam a existência de necessidade de revermos qual é o ... 
Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Seja voluntário da MNAS, Clique aqui e nos envie o seu cadastro!
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.xpg.com.br
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Petistas trabalharam para a aprovação do piso nacional para agentes comunitários de saúde

Aprovação do piso teve amplo apoio da bancada petista. (Fotos: Reinaldo Ferrigno/Luiz Cruvinel)
Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

Categoria terá a partir de 1º de agosto do ano que vem piso de R$ 866,89.

A Comissão Especial que analisa a criação de piso salarial nacional para agentes comunitários de saúde e de agentes de combate a endemias aprovou, por unanimidade o substitutivo do relator, deputado Domingos Dutra (PT-MA), que fixa em R$ 750 mensais a remuneração das categorias. Esse valor valerá até 1º de agosto do ano que vem, quando passará para R$ 866,89.

A aprovação do piso teve amplo apoio da bancada petista. A deputada federal Érika Kokay (PT-DF) foi uma das defensoras. Segundo ela, a vitória vai além do piso salarial “além disso, você cria a obrigatoriedade de haver um plano de carreira. Portanto, significa valorizar o agente comunitário de saúde”.

Kokay destaca ainda a importância da categoria, “não se faz política de saúde sem a presença dos agentes comunitários de saúde; não se tem programa de Saúde da Família (PSF), que é fundamental, a pensão primária para desafogar os hospitais, para que você tenha uma lógica de saúde que não é só o contato com a doença. A qualidade da saúde, de vida, não se faz sem o agente comunitário de saúde”.

A presidenta da Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde, Ruth Brilhante, também comemorou a aprovação. “A Confederação apresentou à Casa Civil uma proposta de escalonamento, a regulamentação do piso e a proposta de escalonamento até 2015 para se chegar até dois salários mínimos. Até 2015, ela vai regulamentar os R$ 714,00, o que já está dentro do orçamento, e não vai gerar gasto para o Ministério da Saúde”.

Érika Kokay destaca ainda que o Congresso finalmente reconheceu o trabalho dos agentes de saúde. “Essa casa, no dia de hoje, reconhece a importância dos agentes comunitário de saúde e estabelece as condições para um piso. Um piso que vai progredindo e estabelece um prazo para que se tenha um plano de carreira para esses profissionais, e começar a fazer justiça, e começar a tirar eles da invisibilidade porque eles não são invisíveis para a comunidade – aliás são os que entram na comunidade. Veja, a comunidade sente o agente comunitário de saúde como parte dela mesma, ele é a lógica dos SUS. Ele entra na casa e carrega os SUS para dentro da casa, então eu diria que no dia de hoje o Congresso começa a fazer justiça para os agentes comunitário de saúde”.

(Apolos Neto e Ricardo Weg – Portal do PT)

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Seja voluntário da MNAS, Clique aqui e nos envie o seu cadastro!
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.xpg.com.br
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: www.pt.org.br

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Parabéns ACS: O vereador do Recife, Almir Fernando, saúda os Agentes Comunitários de Saúde.

Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

Nesta terça-feira, 04, é comemorado no Brasil o Dia do Agente Comunitário de Saúde. Para lembrar a esta data, o vereador Almir Fernando (PCdoB), destacou nesta tarde, o início do curso técnico de Agentes Comunitários de Saúde oferecido pela prefeitura do Recife. Estão participando cerca de 1.450 profissionais que receberam a aula inaugural, no Centro de Convenções, no último dia 12 de setembro.

O Curso, que tem duração de um ano, está sendo realizado em várias instituições de ensino superior do Recife, com uma carga horária de mil horas. Segundo Almir Fernando, a proposta da capacitação consiste no desenvolvimento das competências sobre os aspectos teóricos e básicos relativos à atenção básica nesse campo. “Aproveito a oportunidade para parabenizar todos os agentes que tem dado uma grande contribuição a cidade do Recife”.

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Seja voluntário da MNAS, Clique aqui e nos envie o seu cadastro!
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.xpg.com.br
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: www.camara.recife.pe.gov.br


terça-feira, 4 de outubro de 2011

Relator apresenta nesta terça parecer sobre agentes de saúde

Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

No Dia Nacional do Agente Comunitário de Saúde, comemorado nesta terça-feira (4), o deputado Domingos Dutra (PT-MA) vai apresentar parecer favorável a um piso salarial nacional para a categoria.

De autoria do Senado, o Projeto de Lei 7495/06 cria cargos na Fundação Nacional de Saúde (Funasa). Diversas outras propostas foram analisadas em conjunto, como o PL 6111/09, que define o piso nacional da categoria em R$ 930 mensais para profissionais com formação em nível médio.

Pontos do substitutivo
O parlamentar adiantou alguns pontos do substitutivo que elaborou para a comissão especial após analisar 19 projetos relacionados à área.

Dutra propõe um piso equivalente a dois salários mínimos, valor a ser alcançado em um período de três anos. "É uma conta que não fica salgada para o governo, estimulará os agentes de combate às endemias e agentes de saúde a trabalhar com gosto. Os ganhos de qualidade serão para população mais pobre, que é a grande beneficiária do trabalho dos agentes. Estamos fixando prazo de um ano para que os municípios possam se adequar à lei, se responsabilizando pelas contrapartidas, que são os encargos sociais."

Atualmente, o governo federal repassa para os municípios R$ 750 por agente de saúde. O valor que falta para chegar a dois salários mínimos será parcelado em três anos. O substitutivo ainda estabelece que os reajustes seguirão os mesmos índices usados para o aumento do mínimo.

A reunião da comissão especial sobre os agentes de saúde e combate a endemias está marcada para a 14 horas desta terça-feira. Domingos Dutra espera que haja um acordo em torno do seu parecer, para que o texto possa ser entregue à categoria no dia seguinte, quando haverá um grande ato em Brasília, com a presença de agentes comunitários de saúde vindos de todo o País.

Reportagem - Monica Montenegro/ Rádio Câmara
Edição – Regina Céli Assumpção

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Seja voluntário da MNAS, Clique aqui e nos envie o seu cadastro!
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.xpg.com.br
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: www2.camara.gov.br

sábado, 1 de outubro de 2011

Agentes comunitários de saúde cobram cumprimento de Lei

Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

Os agentes foram ameaçados de sofrer retaliações pela Secretaria Municipal de Saúde para não participarem de evento.
A partir de um requerimento feito pelo vereador Lúdio Cabral (PT), a Câmara Municipal de Cuiabá realizou, na manhã desta sexta-feira, 30 de setembro, uma audiência pública para debater a situação dos agentes comunitários de saúde da capital.

Há 17 anos contratados precariamente, os agentes aguardam a efetivação de mais de 600 trabalhadores como servidores públicos estáveis, direito assegurado por lei municipal há quatro anos.

Segundo a presidente da Associação dos Agentes Comunitário de Saúde do Estado de Mato Grosso (Adacse-MT), Dinorá Magalhães Arcanjo, no dia 20 de maio deste ano, o prefeito Francisco Galindo (PTB) prometeu que nomearia os trabalhadores o mais rápido possível, sob pena de renunciar, caso não o fizesse.

Os agentes foram ameaçados de sofrer retaliações para não participarem da audiência, por meio de corte de ponto e desconto nos salários. Mesmo assim, o plenário da Câmara ficou lotado. Embora convidados, tanto o prefeito, quando os secretários municipais de Saúde, Finanças e Gestão não compareceram, o que deixou os participantes ainda mais indignados. “A ameaça de retaliações aos agentes que participassem da audiência desrespeita um direito fundamental previsto na nossa constituição, e a ausência do prefeito ou dos secretários convidados demonstra a falta de compromisso da administração da cidade com os agentes de saúde”, ressaltou Lúdio.

“Os requisitos legais e administrativos para a efetivação dos agentes de saúde estão preenchidos, essa é uma questão de falta de vontade política do prefeito”, afirmou o promotor de justiça Célio Joubert Furio, coordenador do Núcleo de Defesa do Patrimônio Público e Probidade Administrativa do Ministério Público Estadual. Ele disse que o MP notificou a prefeitura em 2007 para levantar a certificação de cada agente comunitário de saúde apto à efetivação, com base na legislação federal e municipal e assim, efetuar logo a nomeação, mas até o momento o Executivo não concluiu esse processo. A mesma notificação do MP salientou a proibição de novas contratações sem o devido processo de seleção pública.

Há 15 anos trabalhando na área, a agente comunitária Ana Rosa da Silva, subiu à tribuna para denunciar que, enquanto os agentes comunitários enfrentam todos esses problemas, a Prefeitura continua agindo de maneira irregular, fazendo a contratações de agentes de saúde e de combate a endemias para preencher vagas temporárias.

A audiência encaminhou a realização de um ato público em frente ao Palácio Alencastro no dia 07 de outubro, pela manhã, com o objetivo de cobrar do prefeito o compromisso de efetivação imediata assumido há mais de 4 meses.

Situação precária – As condições de trabalho dos agentes comunitários foram, desde sempre, muito precárias, segundo os participantes da audiência desta sexta. Uniforme, protetor solar (que é um direito legal dos agentes municipais), calçados (pela extensa área percorrida durante o trabalho) e até chapéu, para amenizar os efeitos da longa exposição ao sol, os agentes têm que providenciar por conta própria.

“As vezes, eles aparecem com camisetas de campanhas de saúde, que a gente acaba usando como uniforme, mas isso é muito raro”, explica Dinorá.

Sobre a falta de protetores solares, em 17 anos, os agentes de saúde só receberam o produto duas vezes, uma há três anos e outra, concidentemente, ontem, véspera da audiência pública.

O curioso é que, em municípios vizinhos, como Várzea Grande, esse material todo é disponibilizado para os agentes, além de o valor do salário recebido ser condizente com os valores repassados pelo Ministério da Saúde para o programa no município, o que não ocorre em Cuiabá, segundo Dinorá. “Nós gostaríamos de saber o que acontece aqui. Por que nós não temos nenhum tipo de investimento, mas ao contrário, temos que pagar para trabalhar? ”, questiona. A capital recebe mensalmente do Ministério da Saúde R$ 295 mil para o Programa dos Agentes Comunitários de Saúde.

De acordo com Dinorá, os próprios trabalhadores bancam até as fotocópias das suas fichas de trabalho, além de lanches e toda a estrutura necessária para atender os participantes de palestras que os agentes devem ministrar frequentemente, por exigência do município.

O coordenador de Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá, Geraldo Guimarães, único representante do executivo municipal presente à audiência, admitiu que a atenção básica está carente de atenção por parte do município, apontando inclusive que há mais de 100 comunidades que possuem o programa em Cuiabá e encontram-se descobertas atualmente, por déficit de agentes comunitários. “Isso reflete diretamente na qualidade da prestação do serviço”. Depois, Guimarães tentou justificar algumas ações da Prefeitura e foi vaiado pelo plenário.

Também estiveram presentes na audiência os vereadores Domingos Sávio (PMDB) e Néviton Fagundes (PRTB), o deputado federal Valtenir Pereira (PSB), o vice-presidente do Conselho Estadual de Saúde e presidente do Conselho Regional de Educação Física, Carlos Alberto Eilert, e o presidente do Sindicato dos Agentes de Combate a Endemias, Wilson Cutas. O secretário adjunto municipal de saúde, Euze Carvalho, chegou no final da audiência, não se pronunciou e saiu antes do seu término.

Assessoria de Imprensa

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Seja voluntário da MNAS, Clique aqui e nos envie o seu cadastro!
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.xpg.com.br
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: www.circuitomt.com.br

Câmara debate situação dos agentes comunitários de saúde em audiência pública

Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil
Da Assessria

A partir de um requerimento feito pelo vereador Lúdio Cabral (PT), a Câmara Municipal de Cuiabá realizou, na manhã desta sexta-feira (30) uma audiência pública para debater a situação dos agentes comunitários de saúde da capital. Os agentes aguardam a efetivação de mais de 600 trabalhadores como servidores públicos estáveis.

Segundo a presidente da Associação dos Agentes Comunitário de Saúde do Estado de Mato Grosso (Adacse-MT), Dinorá Magalhães Arcanjo, no dia 20 de maio deste ano, o prefeito Francisco Galindo (PTB) prometeu que nomearia os trabalhadores o mais rápido possível.

Conforme o promotor de justiça Célio Joubert Furio, coordenador do Núcleo de Defesa do Patrimônio Público e Probidade Administrativa do Ministério Público Estadual, o MP já notificou a prefeitura para levantar a certificação de cada agente comunitário de saúde apto à efetivação, com base na legislação federal e municipal e assim, efetuar logo a nomeação. A mesma notificação do MP salientou a proibição de novas contratações sem o devido processo de seleção pública.

Ao final da audiência, ficou decidido que será realizado um ato público em frente ao Palácio Alencastro no dia 07 de outubro, pela manhã, com o objetivo de cobrar do prefeito o compromisso de efetivação dos agentes comunitários.

Também estiveram presentes na audiência os vereadores Domingos Sávio (PMDB) e Néviton Fagundes (PRTB), o deputado federal Valtenir Pereira (PSB), o vice-presidente do Conselho Estadual de Saúde e presidente do Conselho Regional de Educação Física, Carlos Alberto Eilert, e o presidente do Sindicato dos Agentes de Combate a Endemias, Wilson Cutas, e o secretário adjunto municipal de saúde, Euze Carvalho.


Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Seja voluntário da MNAS, Clique aqui e nos envie o seu cadastro!
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.xpg.com.br
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: jusbrasil.com.br

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

CUT-PE participa da fundação do Sindras




No último dia 27, ocorreu na cidade de Serra Talhada, Sertão do Estado, a fundação do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate as Endemias do Médio Agreste e Sertão do Estado de Pernambuco (Sindras).

A Central Única dos Trabalhadores (CUT-PE) foi representada pelo diretor de Formação e Prática Sindical do SINDACS-PE e diretor da Central, Ednaiptan de Souza e o diretor de Política e Organização Sindical, Antônio Bernardino Filho (Sassá), que têm ajudado os agentes em todo o Estado.
De acordo com o presidente da Central, Sérgio Goiana, o principal objetivo da entidade é organizar os trabalhadores. “Nossa meta é organizar em Pernambuco um sindicato forte e atuante e que conte com o nosso apoio”, destacou. Durante a fundação do Sindras, estiveram presentes o Sindicato dos Servidores Federais de Pernambuco (SIndsep-PE), Sindicato dos Trabalhadores em Educação em Serra Talhada, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Serra Talhada, entre outras organizações.

Após a leitura e aprovação do estatuto, foram eleitos para o primeiro mandato, Luciano João para presidente, Milton Guimarães como vice-presidente, e Alex Pereira tesoureiro do Sindras.

Adalbério Mota _ Assessoria de Imprensa da CUT-PE

Valença: Secretaria de Saúde Promove Curso para Agentes Comunitários de Saúde

Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

BEMFAM-Bem-Estar Familiar no Brasil (Foto Eberson Viera)

Secretaria Municipal de saude de Valença

A Secretaria Municipal de Saúde em parceria com a 7ª Gerencia Regional de Saúde realizou na manhã desta quarta-feira (28) um curso da BEMFAM (Bem-Estar Familiar no Brasil) aos agentes comunitários de saúde da zona urbana e rural de Valença.

O curso ministrado pela Assistente Social Nádia, que afirma que o objetivo do curso é fomentar e ampliar os conhecimentos dos agentes de saúde aptos a trabalhar na perspectiva da saúde do homem, contribuindo para o aprimoramento dos serviços de saúde oferecidos aos homens pela rede de pública.

A BEMFAM é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), dedicada a promover ações que resultem na melhoria da qualidade de vida, promovendo os direitos humanos e o exercício da cidadania, além de contribuir para com o desenvolvimento social local.

O curso aconteceu no auditório da 7ª Gerencia Regional de Saúde.

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: www.blogmnas.official.ws
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.official.ws
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: www.meionorte.com

Nova Mutum: abertas inscrições para 31 agentes comunitários de saúde

Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

A prefeitura inicia, na próxima segunda-feira, as inscrições para o processo seletivo que oferecerá 31 novas vagas para cargos de Agentes Comunitários de Saúde para trabalhar nas unidades de saúde na cidade e também das comunidades. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais e, a remuneração, R$ 859,09.

São esperados mais de mil inscritos, informa a coordenadora da secretaria de Saúde, Marines Uhde. "As inscrições são gratuitas e cabe ressaltar ao candidato que no edital consta toda a especificação necessária e o perfil dos que poderão concorrer à vaga", orienta.

As inscrições seguem até o dia 17 de outubro, das 8h às 10h30 e das 13h às 16h30, na prefeitura. O candidato deverá ter idade mínima de 18 e máxima de 69 anos completos, além de ter concluído com aproveitamento o curso introdutório de formação inicial e continuado para agente comunitário de saúde.

A prova objetiva está marcada para o dia 24 de outubro. Horário e locais ainda a devem ser divulgados. O edital está disponível no site novamutum.mt.gov.br

Fonte: Só Notícias

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: www.blogmnas.official.ws
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.official.ws
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: www.sonoticias.com.br

Londrina: Saúde promove oficinas para agentes comunitários e enfermeiros


Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

Escrito por N.com

“Oficinas de Trabalho Bolsa Família – condicionalidades saúde” capacitam 357 profissionais de saúde

A Secretaria Municipal de Saúde, juntamente com a Secretária de Assistência Social, realiza “Oficinas de Trabalho Bolsa Família – condicionalidades saúde”, para a capacitação de Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e enfermeiros coordenadores das Unidades Básicas de Saúde de Londrina. As oficinas, que começam amanhã (27), contam com a participação de 357 profissionais da saúde.

Segundo a enfermeira coordenadora do Comitê Municipal de Aleitamento Materno e responsável técnica das Ações de Alimentação e Nutrição da Secretaria de Saúde, Lilian Poli, a oficina tem a finalidade de habilitar os ACS e enfermeiros coordenadores das UBS, quanto ao atendimento das famílias beneficiadas pelo programa “Bolsa Família”. “Temos o objetivo de instrumentalizar os profissionais na condução do fluxo de trabalho, quanto ao acompanhamento dos beneficiários no desenvolvimento das condicionalidades de saúde”, esclareceu.

As condicionalidades são os compromissos assumidos tanto pelas famílias beneficiárias atendidas, quanto pelo poder público, para ampliar o acesso dessas famílias a seus direitos sociais básicos: de saúde, educação e assistência social.

“Na área de saúde, as famílias beneficiárias assumem o compromisso de acompanhar o cartão de vacinação e o crescimento e desenvolvimento das crianças menores de 7 anos. As mulheres na faixa de 14 a 44 anos, também, devem fazer o acompanhamento e, se gestantes ou lactantes, devem realizar o pré-natal e o acompanhamento da sua saúde e do bebê”, explicou Lilian.

O “Bolsa Família” é um programa do Governo Federal que beneficia famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza, através de transferência direta de renda, que pode variar entre R$ 32 a 242. Em Londrina, o programa atende, aproximadamente, 12 mil famílias, com renda familiar, por pessoa, de até R$ 140.

As “Oficinas de Trabalho Bolsa Família – condicionalidades saúde” serão ministradas em seis dias: 27,28 e 30 de setembro e 4, 5 e 7 de outubro em regiões diferentes, cada dia dividido por Unidades de Saúde (UBS).

Programação das oficinas

27/9 – das 8h as 12h, no anfiteatro da Vila da Saúde – Rua Jorge Casoni, 2350 (esquina com Rua Santa Catarina), Londrina;

28/9 – no anfiteatro da Vila da Saúde Rua Jorge Casoni, 2350 (esquina com Rua Santa Catarina, Londrina;

30/9 – na Associação SABI (ao Lado da UBS Bandeirantes), Rua Serra da Graciosa, 680 – Jd. Bandeirantes – Londrina;

4/10 – no anfiteatro do Hospital Zona Norte – Rua Odilon Braga, 199 – Conj. Sebastião de Melo Cesar, Londrina;

7/10 – no Salão Paroquial da Igreja Nossa Senhora do Amparo (a duas quadras da UBS Marabá), rua Caquizeiro, 117 – Jd. Interlagos, Londrina.

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: www.blogmnas.official.ws
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.official.ws
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: correiocidadao.com.br/

Rocinha recebe três novos equipamentos de saúde

Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

A comunidade trocou a frase: "A saúde está doente", pela frase: "Saúde pra dar e vender"

Os moradores da Rocinha ganharam, no último dia 8, três novos equipamentos de saúde. Previstos na obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), uma Unidade de Pronto Atendimento 24 horas (UPA), uma Clínica da Família e um Centro de Atenção Psicossocial (CAPs) serão inauguradas pelo presidente Lula.

A UPA contará com três consultórios (um adulto, um infantil e um de classificação de risco) e oito leitos. A unidade funcionará 24 horas e oferecerá atendimento médico clínico e pediátrico de urgência e emergência. á o Centro de Atenção Psicossocial (CAPs) é um serviço aberto, voltado para pessoas com diferentes transtornos. A estimativa é que tenha 300 pacientes matriculados, que serão atendidos por 43 profissionais.

A Clínica da Família Maria do Socorro Silva e Souza (nome dado em homenagem á uma líder comunitária da Rocinha) terá 11 equipes do Programa de Saúde da Família (PSF). Cada equipe será formada por um médico, um enfermeiro, um técnico de enfermagem, seis agentes comunitários de saúde e um agente de vigilância em saúde. A clínica terá, também, quatro equipes de saúde bucal.

Fonte: Da redação Rocinha.org com informações de Letícia Vieira / Foto: Leandro Lima (FavelaDaRocinha.Com)

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: www.blogmnas.official.ws
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.official.ws
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: www.rocinha.org

Desvendando os mistérios do consumo masculino brasileiro

Stella Kochen Susskind*
Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

Inspirada e instigada pelo Dia do Homem, comemorado no Brasil em 15 de julho, decidi “averiguar” os novos padrões de consumo masculino nacional. A data – internacionalmente celebrada em 19 de novembro – foi estabelecida por Mikhail Gorbachev, ex-presidente Russo, com apoio da Organização das Nações Unidas (ONU) e de grupos de defesa dos direitos masculinos da América do Norte, Europa, África e Ásia.

A proposta inicial era promover a igualdade entre os gêneros e incentivar a população masculina a cuidar da saúde de forma preventiva. No Brasil, o comércio tem associado a data à oportunidade de aquecer as vendas no mês de julho; e de conquistar esse consumidor.

Ao definir a pesquisa, logo surgiu uma questão básica: os homens têm os mesmos perfis de consumo nas diferentes faixas etárias? Com esse ponto de partida, a Shopper Experience – pioneira no Brasil na avaliação do atendimento ao consumidor por meio de pesquisas realizadas por “clientes secretos” – conduziu uma pesquisa com um grupo de 30 homens, idades entre 20 anos e 60 anos, das classes A, B e C.

Embora tenha orgulho da minha expertise em consumo, confesso que fiquei surpresa em encontrar diferentes nuances entre os representantes das diferentes faixas etárias. Sabe a máxima “as mulheres são de Vênus; os homens são de Marte”? Parece que Marte é um planeta mais complexo do que pensamos!

No escopo da pesquisa, perguntados se é verdade que adoram gastar com produtos tecnológicos: 62% dos homens afirmaram que sim; 11% são contrários à afirmação; e 27% indiferentes. As três compras mais recentes; o perfil de consumo; os sentimentos associados à compra; as mulheres que melhor ilustram o ato de consumir são algumas das questões propostas; e quais são aos “objetos do desejo” – questões que nos auxiliaram a desvendar os mistérios do consumo do homem brasileiro.

As conclusões foram agrupadas em faixas etárias justamente porque a passagem das décadas confere novos padrões de consumo para a espécime!

Aos 20 anos
- Aos 20 anos, o perfil é do consumidor mais antenado; o homem se revela mais consumista, sendo que a prioridade recai por produtos inovadores e tecnológicos (TV LED, jogos de videogame, McBook Pro, etc) e acessórios masculinos (relógios, tênis, roupas e óculos). O sentimento de prazer – em comprar para si e em presentear – é o mais relatado entre os jovens consumidores. O consumo de publicações (assinatura de revistas masculinas) e a compra de passagens aéreas entram constantemente na estrutura de gastos. Consumir é bem-estar! Esses jovens apontam os artigos de design, além de apartamento e carros, o Camaro e o Fiat 500, por exemplo, como objetos de desejo. É nítido que são os homens mais suscetíveis ao layout dos artigos.
- A über model Gisele Bündchen é, na percepção dos homens de 20 anos, a principal personificação do consumo por ser referência de beleza, bom gosto, bem-estar e requinte. Entre outros nomes citados estão as atrizes Paola Oliveira e Natalie Portman, pela beleza; a comediante Dani Calabresa; as cantoras Mia e Yael Naim – ícones do envolvimento em causas humanitárias e pelo estilo singular.
- Os homens de 20 acreditam que a postura diante do vendedor é determinante para o tipo de atendimento que vão receber. Ao serem práticos e diretos – defendem eles – recebem um atendimento alinhado a esse comportamento.

Aos 30 anos
- Os trintões se autoclassificam como trenders e early adopters; são vaidosos e consomem produtos e serviços ligados à beleza (cremes para o rosto e para a região dos olhos) e ao bem-estar (calçados, roupas, viagens, restaurantes etc). São os que mais compram por desejo/prazer que por necessidade. Em contrapartida, na hora da compra, são objetivos, pois sabem o que querem. A compra não é por impulso! Entre os objetos de desejo estão helicópteros e barcos.
- As mulheres que personificam a compra, na opinião dos entrevistados na casa dos 30 anos, são Eva Mendes (prazer); Cleo Pires (inspiradora); Ivete Sangalo (cheia de energia, bonita e comunicativa). Um entrevistado mais sarcástico elegeu Bruna Surfistinha como ícone do consumo “pagou, levou”!

Aos 40 anos
- Esse homem compra apenas o necessário, mas é facilmente conquistado por novidades tecnológicas e acessórios como relógios. Eles reportam como a última compra, justamente artigos eletroeletrônicos como TV LED e cafeteiras sofisticadas. Para os quarentões, a sensação de poder e sucesso são as mais associadas ao ato de compra. Viagens para lugares longínquos e exóticos, e vinhos caros estão entre os objetos de desejo.
- Na análise do atendimento, afirmam que ao comprar eletroeletrônicos recebem um atendimento especial por parte dos vendedores, ou seja, os vendedores fornecem mais detalhes sobre os produtos.
- Os entrevistados dessa faixa etária afirmam que roupas e demais artigos associados a tendências são comprados com o aval feminino (esposa e namorada). Os objetos de desejo são associados a alta tecnologia e performance (lanchas, carros alemão e italiano).
- As mulheres que personificam o ato de comprar, na opinião dos entrevistados da faixa etária, são Julia Roberts (beleza) e Jackie Kennedy Onassis – porque combinam poder, elegância, discrição e senso de utilidade.

Aos 50 anos
- Na casa dos 50 anos, o homem permanece objetivo nas compras e aprimora a observação – ou seja, passa a valorizar detalhes do produto a ser comprado e do atendimento prestado. As compras são mais rápidas, porque a decisão de compra foi tomada antes mesmo de sair de casa. Os carros são objeto de desejo.
- Carla Bruni personifica a mulher associada à compra certa – clássica, antenada, elegante e decidida. Um segundo nome citado é Oprah Winfrey… pela idoneidade.
- Na opinião dos cinquentões, eles representam um desafio ao atendimento exatamente por saberem o que querem; não dão margem a discursos vazios e “marqueteiros”. Em contrapartida, pelo valor médio da compra, representam para os vendedores a oportunidade de altas comissões.

Aos 60 anos
- Os consumidores sessentões são mais objetivos e compram somente o necessário – as últimas compras reportadas são em supermercados, posto de gasolina, farmácia e lojas de calçados. Mais atentos à forma do atendimento, mostram-se desatentos quando o assunto é embalagens.
- Acreditam que o homem é mais bem atendido quando compra produtos duráveis. Um carro maior e potente; uma casa mais confortável estão entre os objetos de desejo.

Diante desses resultados – que considero a primeira fase do processo de “desvendar os mistérios do consumo masculino no Brasil” –, antecipo que a Shopper Experience ampliará o escopo dessa pesquisa. Assim como o consumo feminino, o masculino precisa de um atendimento especializado; com características próprias ao gênero. Há espaço para aprimorar e criar esse atendimento a partir do pleno conhecimento das particularidades desse consumidor de Marte!

* Stella Kochen Susskind é administradora de empresas graduada pela Pontifícia Universidade Católica (PUC-SP) e pós-graduada em Franchising pela Franchising University (Estados Unidos). É pioneira no Brasil na avaliação do atendimento ao consumidor por meio do “Cliente Secreto®”. A executiva preside a Shopper Experience – empresa de pesquisa que representa uma evolução do modelo – e a divisão latino-americana da Mystery Shopping Providers Association, atuando, ainda, como diretora da Mystery Shopping Providers Association Europe e membro atuante do Global Board.

Fonte: www.printeccomunicacao.com.br


Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: www.blogmnas.official.ws
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.official.ws
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum

CNTSS, CUT e CONACS se reúnem e definem mobilização conjunta.


Da direita para esquerda: Drª Elane, Ruth Brilhante, Pedro Armengou, Lara e Fernando
Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

União das entidades será a marca da mobilização dos Agentes em outubro

CONACS, CNTSS e CUT se reúnem para definir mobilização dos Agentes em Brasília.
A reunião aconteceu no dia 15 de setembro, na sede da CUT nacional em Brasília e contou com a participação do secretário nacional de organização da CUT, Jacy Afonso, o Coordenador dos trabalhadores do serviço público da CUT, Pedro Armengou, Fernando Cândido, Diretor da CNTSS, Ruth Brilhante, Presidente da CONACS, Drª Elaine, assessora jurídica da CONACS e a agente Marina Lara do Estado do Mato Grosso do Sul.

A reunião teve o objetivo de definir ações conjuntas das entidades – CNTSS\CUT, CONACS- para o início de outubro em Brasília, visando o fortalecimento da luta em favor da regulamentação da EC-63, que dispõe sobre o piso salarial nacional e Plano de Carreira dos ACSs e ACEs.
Jacy Afonso ressaltou que as duas entidades o procuraram para pedir o apoio logístico (banheiros químicos, tendas, trio elétrico, cadeira, etc.) e político da CUT para a referida mobilização, no entanto, para o secretário nacional de organização da CUT, não teria sentido o apoio se não houvesse a unificação da luta, pois a pauta é comum. Pedro Armengou, afirmou que a CUT deliberou em reunião apoio a nossa luta, portanto precisávamos definir um calendário de atividades que contemplasse as demandas das duas entidades. Na visão do Fernando Cândido, diretor da CNTSS, bem como na opinião da Presidenta da CONACS, Ruth Brilhante o momento é de união e a soma de forças beneficiará a categoria. Como encaminhamento foi combinado a seguinte programação unificada das entidades:

Dia 04 de outubro, às 8h – Concentração na esplanada dos Ministérios (estrutura montada com Banheiros químicos, Cadeiras, tendas, trio elétrico)

Dia 04 de outubro, às 10h -Sessão Solene na Câmara dos Deputados em homenagem a dia Nacional do Agente;

Dia 04 de outubro, às 14h – Caminhada ao Palácio do Planalto;

Dia 04 de outubro, às 17h – Plenária para informes e encaminhamentos na estrutura montada na esplanada dos ministérios e término das atividades do dia.

Dia 05 de outubro, às 09h – Audiência Pública no Senado

Dia 05 de outubro, às 13h – articulação com líderes das bancadas

Observações:

1 - No dia 04 às 14h, simultaneamente a caminhada ao palácio do planalto ocorrerá reunião da comissão de analise do projeto de lei 7495, portanto foi definido que aproximadamente 300 ACSs e ACEs participaram da reunião;

2 – A CONACS manterá sua agenda para o dia 03 de outubro, ficando a mesma responsável em informar suas bases o cronograma de atividades para este dia;
Por fim foi encaminhado um ofício, subscrito pela CUT, CNTSS e CONACS solicitando uma audiência com o Ministro Gilberto Carvalho, da secretaria da Presidência da República.

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: www.blogmnas.official.ws
Site da Mobilização dos ACS e ACE: www.agentesdesaude.official.ws
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte na web: SINDACS-AL